• patricia6126

Campinas precisa vacinar 30 mil crianças contra a pólio até dia 13 de novembro

Campinas (SP) precisa vacinar mais 30.064 crianças entre 1 a 4 anos contra a poliomielite até o próximo dia 13 de novembro, último dia da campanha, para atingir a meta do Ministério da Saúde de imunizar 95% das 58.803 crianças nessa faixa etária no município. Para especialistas, a baixa cobertura vacinal pode favorecer o reaparecimento de doenças consideradas erradicadas, em cenário semelhante ao que ocorreu com a volta do sarampo ao Brasil.

Balanço divulgado pela Secretaria de Saúde de Campinas na quinta-feira (5) mostra que a cidade pouco avançou na imunização contra a pólio após a prorrogação da campanha de vacinação no estado. O município pulou de 24.963 para 25.798 doses aplicadas em sete dias, volume que corresponde a 43,8% do total de crianças nessa faixa etária. Articuladora do programa de imunização da prefeitura, Ana Cecília Zuiani Zocolotti afirma que os números são preocupantes, e demonstra que a população não está se mobilizando para fazer uma imunização coletiva. Segundo Ana Cecília, a baixa cobertura, na casa dos 44%, é relativa a campanha contra a pólio, e não da vacinação de rotina. No entanto, até mesmo nas doses do calendário contra a doença, o índice é abaixo do preconizado. Em setembro, era de 85%De acordo com a profissional, o caso do sarampo, que voltou a ter registros no Brasil após queda na cobertura vacinal, é uma exemplo do que não pode se deixar acontecer. Em 2019, a cidade registrou 173 casos da doença.

"As unidades de saúde estão organizadas quanto ao fluxo, para não ter cruzamento com pacientes com Covid-19. É bem organizado, seguro. Além disso, a campanha também permite a atualização do calendário para jovens até 15 anos. Inclusive, foi incluído a dose contra a meningite ACWY, para crianças entre 12 e 13 anos", explica.

Multivacinação

Assim como foi destacado pelos especialistas, além da campanha contra a pólio, os postos de saúde seguem com a campanha de multivacinação.

Segundo a prefeitura de Campinas, 13.752 crianças e adolescentes menores de 15 anos já receberam as doses, 1.606 a mais do que há uma semana.

O programa oferece as seguintes imunizações para quem está com a carteira de vacinação desatualizada:

BCG

  • Hepatites A e B

  • Pentavalente (difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e infecções por HIB)

  • Rotavírus

  • Pneumocócica conjugada 10-valente

  • Febre amarela

  • Tríplice viral (caxumba, sarampo e rubéola)

  • Tríplice bacteriana (difteria, coqueluche e tétano)

  • Dupla adulto (difteria e tétano)

  • Tetraviral (sarampo, caxumba, rubéola e varicela)

  • Meningocócica C

  • HPV

  • fonte G1 Campinas


1 visualização

NOTÍCIA FM

LIGOU, VIROU NOTÍCIA

Faz 40 anos que a Notícia FM é recebida pelos ouvintes em suas casas, 40 anos que a Notícia FM os acompanha no carro e no trabalho, com entretenimento, informação e boa música.

LINHA DO OUVINTE

19 3408.8080


Rua Rui Barbosa, 474 - Centro

13465-280 - Americana - SP

SOCIAL NOTÍCIA FM

Notícia FM 88,9      © 1980 - 2020      TODOS OS DIREITOS RESERVADOS